Monge evil

Padrão

Pois é, não tinha sonhos bizarros fazia um bom tempo…

Ai hoje de tarde deitei um pouco e…..

“Eu estava em um templo, era a inauguração dele, estava lotado, sinceramente estava meio perdida não sabia pra que lado ir.

Foi quando vi maior galera em volta de um grupo de monges de vestimentas pretas, fui la ne, tava perdida e me interessei, talvez eles pudessem me ajudar, falar algumas palavras sábias sei la.

Mas OMG os monges eram tudo safadões, taradões, só falavam palavras tensas de safadas, ai um rapaz se aproximou e eu disse:

– Estou perdida! Achei que eles fossem me trazer paz mas não! Estão me xavecando!

– É pq eles são os monges falsos, pras pessoas perceberem que nem sempre quem parece santo é santo, pode ter um “demônio” debaixo dessa cara de bonzinho.

Fiquei pasma ne, mas beleza, tava tendo festinha e tals, ai chamaram para a van que ia mostrar a construção da outra parte do templo.
Éramos um grupo de umas 12 pessoas, mostraram a construção, o templo inteiro estava quase pronto, estavamos maravilhados com tamanha construção do nada no meio da cidade.

DO NADA eu vejo um PUTA URSO, eu gritei:
– PISA NO ACELERADOR ANTES QUE O URSO NOS VEJA! ELE PODE NOS MATAR!

Quando o motorista foi pisar no acelerador o urso nos viu, então começou a correr atras da gente, todo mundo gritava, fechamos a janela, e o urso vinha batendo as patas gigantes nas janelas, e eu gritava pra ligarem pra policia protetora de animais selvagens assassinos numero 1906 (sério), e ninguém fazia merda nenhuma, ae catei o celular do bolso de uma pessoa e liguei.

– Estamos na inauguração do templo blablabla e tem um urso nos perseguindo! SIM TEM UM URSO!ELE QUER NOS MATAR FAÇA ALGO!

A pessoa achou que estavamos de brincadeira, mas poxa era vdd, e o pior não tinhamos pra onde ir, pq se chegassemos na inauguração o urso iria matar todo mundo, resolvemos então ir para a Dutra, sim, para a Dutra… mas antes que conseguissemos chegar lá, o urso veio com tudo e amassou a van.

Eu e mais duas pessoas escapamos, agora a gente tinha que fugir dele, a pé.

MAS ADIVINHA? O URSO VIROU UM HOMEM!

Dilacerou uma pessoa, e jogou a outra na dutra, e ela logo foi atropelada.
Começamos a lutar, pegando motos fodas que estavam passando por lá na hora, estava tendo racha de motos, então fiz cálculos mentais e consegui matar o urso.

Senti uma dor infernal nas costas e vi que estava escorrendo muito sangue….

TINHA UM BRAÇO ENCRAVADO NAS MINHAS COSTAS!

Fiquei assustada com o braço e com a dor, e acabei sendo atropelada por um caminhão.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s